Dia Mundial da Tuberculose: Brasil ocupa o 15º lugar em número de casos da doença, alerta OMS

0
164

A Organização Mundial de Saúde (OMS) escolheu a data de 24 de março como o Dia Mundial da Tuberculose por corresponder à descoberta do bacilo que causa a doença, que foi identificado por Robert Koch em 1882. Neste ano, o Brasil abrigará um importante Fórum mundial de combate à doença que é a maior causa de morte de adultos dentre as doenças infecciosas no mundo todo.

Estimativas da OMS mostram que o Brasil, dentre os 22 países com 80% dos casos de tuberculose no mundo, ocupa o 15º lugar. Porém, progressos importantes com estudos brasileiros vêm ganhando espaço no cenário de combate à doença. Dados do Ministério da Saúde mostram que a cada ano são diagnosticados 53 mil casos da doença no país, com uma taxa de 50 casos em 100 mil habitantes.

O país apresenta uma redução de 3,3% na notificação de novos casos a cada ano. Além disso, há uma redução nos índices de mortalidade, que hoje representam 4 em cada 100 mil habitantes. Os Estados do Rio de Janeiro e Amazonas, segundo o Ministério da     Saúde têm o maior número de casos se comparado à população local.

A meta da OMS é reduzir em 50% o número de casos e mortes por tuberculose em todo o mundo até 2015, utilizando como base os números de 1990. O Rio de Janeiro recebe no período de  23 e 25 de março um dos principais eventos de debates sobre iniciativas para acabar com a tuberculose.

O III Fórum de Parceiros Stop TB acontece em parceria com a Organização Mundial de Saúde (OMS) e deve receber 1.300 participantes internacionais, além de contar com a participação do ministro da Saúde, José Gomes Temporão, na cerimônia de abertura. A Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI) é uma das entidades que apoiam o evento, que ocorre pela primeira vez em um país da América Latina. Movimento global criado para acelerar as políticas públicas para a erradicação da tuberculose, o Stop TB planeja investir US$ 56 bilhões nos próximos dez anos. Os investimentos em pesquisa, campanhas e ampliação do acesso a remédios devem salvar mais de 14 milhões de vidas.

O Stop TB prevê ainda ações de controle da relação entre AIDS (Síndrome da imunodeficiência Adquirida) e a tuberculose, já que grande parte das  pessoas infectadas pelo vírus do HIV acaba morrendo por causa da tuberculose.

Fonte: Sociedade Brasileira de Infectologia(2009).

www.portaldocoracao.com.br 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here