Efeitos fisiológicos das práticas de ioga

0
187

Ioga é um sistema filosófico-prático que conta com técnicas para a unificação dos diferentes elementos do psiquismo humano.Em todas as técnicas deste sistema o praticante busca eliminar sua agitação e ter um domínio harmônico de si mesmo. Para dominar  o corpo, são praticadas as posturas (âsanas) nas quais se deve manter a estabilidade e o conforto.

Para dominar a respiração, são praticados exercícios de controle respiratório (prânâyâmas)  que induzem à tranqüilização respiratória até que se possa atingir  pausas conscientes, confortáveis e prolongadas. Nestas condições, torna-se possível buscar de modo eficaz o controle da mente através de técnicas meditativas, que visam absorver a atenção do praticante num único foco.

Efeitos fisiológicos das práticas de ioga:

É importante lembrar que há escolas contemporâneas de ioga, cujas práticas podem ser extenuantes e, portanto, com efeitos diferentes dos descritos a seguir. Dentre os vários efeitos fisiológicos destas técnicas, destacam-se:

-Diminuição do metabolismo em estado de vigília (caracterizado por reduções do consumo de oxigênio e da produção de gás carbônico, por aumento das ondas alfa e da resistência da pele).

-Redução da pressão arterial.

-Aumento da flexibilidade muscular, da resistência aeróbia e melhora do controle do equilíbrio.

-Alterações nos níveis de hormônios e neurotransmissores.

Vários destes parâmetros são compatíveis com a redução da liberação de adrenalina. Há também benefícios gerais nos níveis de condicionamento físico.

Fonte:Rev Bras Reumatol(2006).  

www.portaldocoracao.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here