Em casa – Cuidados com a família

0
81

Quando for tirar cópias de suas chaves escolha chaveiros que trabalhem longe de sua casa. Dê preferência a profissionais estabelecidos e que tenham seus telefones registrados no catálogo telefônico.

 

Dedique algum tempo à orientação de seus filhos. Procure se interessar pelo dia a dia das crianças. Aprenda a ouvi-los. Só assim você terá conhecimento da existência de riscos e que recomendações fazer para evitá-los.

 

Seja paciente e procure não provocar resistência às suas orientações. Exagerar na descrição dos perigos nem sempre ajuda. As vezes podem fazer com que as crianças deixem de acreditar na existência do risco.

 

Cole perto do telefone uma lista de números úteis: de locais onde você pode ser encontrado, parentes, amigos próximos, vizinhos e também o 190 da Polícia Militar.

 

Evite deixar seus filhos em casa com colegas e amigos, sem a presença de um adulto responsável. O entusiasmo aflora com a súbita liberdade e a tendência é buscar emoções fortes, como subir em telhados ou brincar com fogo. E quando resolvem descobrir que gosto têm as bebidas alcoólicas. Raramente lembram que a porta ficou aberta ou que o fogão ficou ligado.

 

Pessoas mal intencionadas costumam usar crianças e empregadas para obter informações sobre endereço, local de trabalho, hora da chegada dos pais, escola onde as crianças estudam.

 

Ensine-as a pedir o nome e o telefone de quem está ligando e a informar que o pai retornará a ligação logo mais.

 

Cheque sempre as referências de empregados domésticos. Ao contratá-los, anote os dados de seus documentos, e, se houver, o endereço do parente mais próximo. Ter uma foto de recordação, bem guardada, é uma boa medida.

 

Respeite seus empregados. Não dê pretextos para que eles tentem prejudicá-lo, enquanto trabalham para você ou mesmo depois.

 

Não divulgue suas viagens. Se durarem mais de dois dias, peça a alguém de sua confiança para dar uma passada de vez em quando para recolher a correspondência, por exemplo. Se possível, telefone de tempos em tempos para saber se tudo está em ordem.

 

Desligue a campainha. Se algum ladrão for testar a presença dos moradores, ficará em dúvida.

 

Não deixe luzes acesas. Durante o dia, isso significa que não há ninguém em casa. Se a sua ausência for prolongada, peça a um vizinho ou parente que visite a casa para demonstrar movimento, seja abrindo janelas, colocando o carro na garagem, regando vasos ou o jardim.

 

Suspenda a entrega de jornais.

 

Nunca coloque cadeados do lado de fora do portão. E sinal certo de que o morador está viajando.

 

A simples aparência de segurança desestimula a ação de assaltantes. Portanto, grades e trancas são de extrema importância para afastá-los da sua moradia.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here