Excesso de televisão e sedentarismo aumentam a angústia em crianças, aponta estudo

0
100

Um recente estudo demonstrou que ver televisão em excesso e inatividade física, são fatores determinantes e aditivos, de maior de angústia psicológica em crianças.

Um estudo realizado na Escócia, envolvendo 1.486 crianças com idades entre os 4 aos 12 anos, avaliou a presença do estresse psicológico através de um questionário específico, respondido com a ajuda dos pais.

Globalmente, 4% das crianças foram classificadas como tendo níveis anormalmente elevados de estresse psicológico.

Após análise estatítsica, crianças que assistiam televisão por mais tempo, quando comparadas com aquelas que assistiam por pouco tempo (menos que 90 minutos por dia), apresentaram escores significativamente maiores de estresse psicológico.

Da mesma forma, as crianças com um elevado nível de atividade física (mais de 10 sessões semanais com duração de pelo menos 15 minutos) quando comparadas com as crianças com um baixo nível (menos de 6 sessões semanais), tiveram escores significativamente menores de estresse psicológico.

Excesso de televisão e inatividade física aumentavam o risco relativo de angústia psicológica em crianças, na ordem de  45% e 64%, respectivamente. A análise demonstrou que estes dois hábitos inadequados de vida exerciam também efeitos aditivos.

"Como a atividade física na adolescência é capaz de prever também a saúde mental na idade adulta, as políticas de saúde pública deverão  se concentrar em promover um aumento das atividades físicas em crianças mais novas ", finalizam os autores do estudo.

Fonte:Pediatrics(2009).

www.portaldocoracao.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here