Medicamento reduz o risco de amputação em diabéticos, diz estudo

0
85

Estima-se que cerca de 10% dos diabéticos sofrerá pelo menos uma amputação ao longo de sua vida. Um recente estudo demonstrou que um medicamento, chamado de fenofibrato, usado para tratar anormalidades das frações do colesterol (como os triglicerídeos elevados) é capaz de reduzir o risco de amputação em diabéticos.

Um estudo avaliou 9.795 diabéticos com idades 50 a 75 anos (média de 62,2 anos).A metade destes pacientes recebeu 200 mg de fenofibrato por dia e a outra metade, recebeu placebo (comprimidos sem ação terapêutica).Os diabéticos foram seguidos por um período mínimo de 5 anos.Todos os pacientes receberam um tratamento médico ótimo para o diabete, incluindo medicamentos para o controle do açúcar no sangue (glicemia), anti-hipertensivos, vastatinas, entre outros.

Globalmente, 115 pacientes tiveram pelo menos algum grau de amputação devido ao diabete melito.O risco relativo  de amputação foi 36% menor em doentes que tomaram o fenofibrato.O benefício do fenofibrato não foi modificado pelo uso de outros medicamentos, pelo grau de controle da glicemia ou níveis do colesterol.

O número necessário de pacientes tratados com fenofibrato, para evitar pelo menos uma amputação, foi de 197.Esse número diminui para 25, nos diabéticos com úlceras nas pernas e albuminúria (perda urinária de proteínas, por uma lesão renal causada pelo diabete).

Os pesquisadores acreditam que o fenofibrato pode melhorar a cicatrização das feridas por vários mecanismos.Nenhum medicamento havia demonstrado a capacidade de reduzir o risco de amputações em pessoas com diabete melito.Os autores do estudo reconhecem que o estudo foi limitado pela falta de uma avaliação vascular mais detalhada dos pacientes antes do início do estudo.

"O Portal do Coração alerta: nunca inicie, suspenda ou troque um medicamento sem a autorização prévia de um médico. Estas  atitudes colocam a sua saúde em risco".

Fonte: Lancet(2009).

www.portaldocoracao.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here