Mesmo com tratamento, o número das células de gordura não diminui após os 20 anos, diz estudo

0
68

Um interessante estudo realizado por pesquisadores da Dinamarca (Instituto Karolinska), sugere que o número das células de gordura, chamadas de adipócitos, não diminui após os 20 anos de idade em obesos submetidos ao tratamento da doença.

A constatação também é válida para o tratamento cirúrgico (cirurgia bariátrica) da obesidade. Os pesquisadores dinamarqueses examinaram 742 pessoas, incluindo crianças, jovens e adultos de diferentes idades, através de biópsias do tecido gorduroso localizado no abdômen. Estes cientistas  descobriram que o número de células adiposas aumenta durante a infância, mas  não varia na idade adulta.

Os tratamentos para a obesidade acarretam uma redução do peso, pela diminuição do teor de gordura dentro dos adipócitos, mas não pela redução do  número dessas células. Esses achados ajudam a explicar a facilidade que obesos tem em voltar a ganhar peso (chamado "efeito sanfona"). Em obesos , o número de adipócitos permanece elevado e, desta forma, o potencial de acumular gordura se mantém. Os obesos apresentam duas a três vezes mais adipócitos do que um indivíduo com peso normal. Embora o número dessas células permaneça constante, cerca de 10% dos adipócitos são renovados por novas células.

Fonte: Nature (2008).

www.portaldocoracao.com.br    

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here