Artigos sendo lidos neste momento !

Artigos do PC

O excesso de peso pode ser responsável por até 40% dos casos de pressão alta
Checking blood pressure of female patient, unrecognizable people
Emagrecimento, Hipertensão Arterial, Obesidade

O excesso de peso pode ser responsável por até 40% dos casos de pressão alta 

A hipertensão arterial, conhecida popularmente como pressão alta, afeta um quarto ou mais dos adultos, sendo um importante fator de risco para o acidente vascular cerebral, infarto do miocárdio, insuficiência cardíaca e renal (falência do coração e rins, respectivamente).

Por outro lado, o excesso de peso é um fator de risco para elevação da pressão arterial. Quanto maior o IMC, ou  seja, índice de massa corporal (peso dividido pela altura ao quadrado), maior a chance de desenvolvimento da hipertensão arterial. A obesidade central (localizada acima da cintura) e o ganho de peso ao longo da vida têm se destacado como importantes fatores de risco para o desenvolvimento de hipertensão arterial.

Estima-se que 26 a 40% dos casos  de hipertensão arterial possam ser atribuíveis ao excesso de peso. Outros aspectos, como genética, ingestão de sal, estresse, idade, entre outros, também contribuem para o aparecimento  da doença.

A perda de peso reduz a pressão arterial em normotensos e pode prevenir o desenvolvimento de hipertensão arterial no futuro. A Sociedade Brasileira de Cardiologia alerta sobre a necessidade de mudanças no estilo de vida visando perda de peso e redução do risco de hipertensão arterial. Nesse aspecto, o caminho é adotar de uma dieta pobre em calorias e atividade física regular. A redução da ingestão calórica é  mais importante que a adoção de dietas específicas ou “dietas da moda”.

A atividade física regular isolada, sem a abordagem dietética com ingestão de frutas, vegetais, grãos, sementes, nozes, peixe, laticínios e pobre em carnes, açúcares e álcool em geral, não é suficiente para uma perda de peso significativa.

O Estudo de Framingham demonstrou que a perda de peso mantida de 6,8 kg acompanhou-se de redução do risco de desenvolver hipertensão arterial em indivíduos de 50-65 anos na ordem de 26%, em um prazo de 8 anos. Quando falamos em manter o peso após uma redução significativa, a atividade física regular se destaca como medida de grande importância.

Autor: Dr. Tufi Dippe Jr. Cardiologista – CRM/PR 13700.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios estão marcos com *