SBC Terá simpósio conjunto no mundial de cardiologia

0
91
????????????????????????????????????

Depois do sucesso do “joint simposium” no congresso do American College of Cardiology, a SBC terá outro simpósio conjunto, durante o “World Congress of Cardiology”, que este ano será em Buenos Aires, na Argentina, de 18 a 21 de maio.

 

Simultaneamente terá lugar o Congresso Sul-Americano de Cardiologia, o que dará oportunidade para contatos pessoais com presidentes de outras sociedades de Cardiologia, com o objetivo de promover intercâmbio e divulgação da pesquisa brasileira. Isso será feito tanto através de eventos, como pelo envio da revista “Arquivos Brasileiros de Cardiologia” aos membros de sociedades estrangeiras. Esse envio será feito por meio eletrônico.

 

O tema do simpósio será “Cardiopatia Isquêmica”, o mesmo terá a coordenação de Horácio Faella, Presidente do Congresso Mundial e Antonio Carlos Palandri Chagas, Presidente da SBC. Já foram escolhidos os três palestrantes brasileiros, Renato Kalil, do Instituto de Cardiologia do Rio Grande do Sul, que é também diretor de Comunicação

da SBC. Seu tema será “The role of surgical management”.

 

Os outros conferencistas serão Luiz Alberto Piva Mattos, do Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, que falará sobre “Current views on PCI”, e Protasio Lemos da Luz, do Instituto do Coração, cujo tema será “Clinical aproches for treatment: drugs versus lifestile”. O norte-americano Prediman Krishan Shah, que é o diretor de Cardiologia do Sinai Medical Center, de Los Angeles, discorrerá sobre “Basic mechanisms in development, progression and complications”, enquanto o argentino Enrique Gurfinkel terá por tema “The utility of Inflammatory markers in the management of the disease”.

 

O Mundial de Cardiologia ocorre a cada dois anos e esta será a primeira vez que a SBC participa de um “joint simposium”, cuja realização demonstra a importância da Cardiologia brasileira que, segundo Renato Kalil, tem uma produção científica importante a qual, através de iniciativas como o simpósio, podem ser compartilhadas com os cardiologistas de outros países.

 

O simpósio foi organizado pelo próprio presidente da SBC, Antonio Carlos Palandri Chagas, juntamente com a World Heart Federation e se enquadra na decisão de aproximar a entidade brasileira de suas congêneres.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here