Você sabia que tomar muito banho faz mal?

0
666

Um novo estudo sugere que o excesso de banho pode danificar o micro bioma natural do nosso corpo e afetar os sistemas imunológico, digestivo e cardíaco.

Pesquisadores americanos concluíram que integrantes da tribo Yanomani, que vivem isolados na Amazônia têm um micro bioma natural muito mais rico do que a população ocidental. Eles acreditam que isso aconteça devido ao excesso de limpeza defendido pela ocidentalização.

Provavelmente você já ouviu falar que tomar muito banho, principalmente quente, não é bom para a pele nem para o cabelo. Agora, um novo estudo veio reforçar essa tese. Pesquisadores do Centro de Ciência Genética da Universidade de Utah, nos Estados Unidos, concluíram que o excesso de limpeza pode danificar o micro bioma humano – uma coleção de bactérias, vírus e outros micróbios que vivem em nosso corpo e são essenciais para a manutenção de nossa saúde, de acordo com informações do jornal britânico Independent.

Esse micro bioma é essencial para a nossa saúde e o estudo sugere que “perturbar nossos ecossistemas microbianos pode causar doenças que podem afetar nosso sistema imunológico, digestivo e cardíaco”.

Yanomamis

No estudo, os pesquisadores analisaram a população da tribo Yanomami, que vive na Amazônia, e concluíram que, em comparação com pessoas ocidentais, essa população tinha um micro bioma muito mais rico. Segundo eles, foi a “maior diversidade de bactérias e funções genéticas já relatadas em um grupo humano”. Eles até abrigavam bactérias que carregavam resistência aos antibióticos, apesar de não ter nenhum contato conhecido com antibióticos.

Os pesquisadores concluíram que a ocidentalização ou excesso de zelo afeta significativamente a diversidade do micro bioma humano, mas não souberam dizer qual seria a frequência de banho ideal para mantermos um micro bioma rico – sem cheirar mal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here