Estima-se que 90% dos brasileiros desconhecem os sintomas do derrame cerebral

0
350

O acidente vascular cerebral ou acidente vascular encefálico, conhecido popularmente como derrame cerebral, é uma doença caracterizada pela interrupção da irrigação sanguínea das estruturas do cérebro. Ocorre quando o sangue que supre o cérebro com oxigênio e glicose deixa de atingir uma região cerebral, ocasionando uma perda aguda dos neurônios.

É uma doença de início súbito, que pode ocorrer por dois motivos: isquemia (obstrução arterial) ou hemorragia (rompimento arterial). O primeiro caso refere-se ao acidente vascular isquêmico (cerca de 80% dos casos) e, o segundo, ao acidente vascular hemorrágico (cerca de 20% dos casos).

O estudo EMMA é um projeto de vigilância epidemiológica com seguimentos de casos fatais e não  fatais de acidente vascular cerebral, atendidos em unidade hospitalar (Hospital Universitário) e advindos da comunidade moradora da região oeste da cidade de São Paulo.

O acidente vascular cerebral é a principal causa de morte isolada no Brasil. Estima-se que cerca de 90% dos brasileiros não possuem informações sobre o acidente vascular cerebral, e a maioria chega ao hospital quando a situação já está grave.

Em sua primeira etapa, o estudo EMMA obteve os seguintes resultados em relação as vítimas de um acidente vascular cerebral:

-Cerca de 80% das mulheres são hipertensas, sendo que essa proporção diminui para 71% entre os homens;

-Embora o acidente vascular cerebral seja mais comum em homens, o risco de morte é maior entre as mulheres;

-Cerca da metada das vítimas de um AVC possuem apenas o estudo fundamental incompleto;

-Entre os homens, cerca de 1/3 fuma e 1/4 bebe;

-Mais de 20% são diabéticos.

Sinais e sintomas sugestivos de um AVC

-Cefaleia intensa e súbita sem causa aparente.

-Dormência nos braços e nas pernas.

-Dificuldade de falar e perda de equilíbrio.

-Diminuição ou perda súbita da força na face, braço ou perna do lado esquerdo ou direito do corpo.

-Alteração súbita da sensibilidade, com sensação de formigamento na face, braço ou perna de um lado do corpo.

-Perda súbita de visão em um olho ou nos dois.

-Alteração aguda da fala, incluindo dificuldade para articular e expressar palavras ou para compreender a linguagem.

-Instabilidade, vertigem súbita e intensa e desequilíbrio associado a náuseas ou vômitos A busca de socorro imediato é vital .

Fonte: Estudo EMMA.

Autor: Dr. Tufi Dippe Jr – Cardiologista de Curitiba – CRM/PR 13700.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here