Estudo confirma que o risco de morte em mulheres obesas relaciona-se com o grau da obesidade

0
97

O conceito que o excesso de gordura corporal aumenta o risco de  doença arterial coronariana ( desenvolvimento de placas de gordura nas artérias do coração ) , está bem estabelecido.  A obesidade associa-se  a novos casos de angina do peito , infarto do miocárdio , insuficiência cardíaca e morte. As mortes de outras causas também são mais comuns em obesos. No entanto , é importante estratificarmos o grau de obesidade através do índice de massa corporal : peso dividido pela altura ao quadrado , o chamado IMC.

Consideramos peso normal , quando o IMC esta entre 18,5 e 24,9 kg/m2 ; sobrepeso , quando está entre 25 e 29,9 kg/m2 ; obesidade grau 1, quando está entre 30 e 34,9 kg/m2 ; obesidade grau 2 , quando está entre 35 e 39,9 kg/m2 e obesidade grau 3 , quando é maior ou igual a 40 kg/m2.

Um estudo realizado na universidade de Pittsburg , coletou dados de cerca de   50 a 79 anos , acompanhadas por cerca de 7 anos ou mais. Os resultados do estudo , demonstraram  claramente , que o risco de morte por doença arterial coronariana ( DAC ) ou por outras causas , estava na dependência direta do grau de obesidade.

Observe as taxas de mortalidade por categoria de peso:

                                       peso normal   –    sobrepeso  –  obesidade grau 1 –  obesidade grau 2 –  obesidade grau 3

todas as mortes                       68                      71                     84                       102                             116

mortes por DAC                        5,9                    5,5                     8,4                      12,17                          12,65

Fica claro , com os resultados deste estudo , que as pacientes com graus mais avançados de obesidade , necessitam de formas mais radicais de tratamento para o obesidade , como a cirurgia bariátrica ,pelo elevado risco de morte cardíaca e não-cardíaca.

Fonte:JAMA ( 2006 ).

www.portaldocoracao.com.br 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here