Dieta Mediterrânea é a ideal para prevenção cardiovascular

0
196

Um revisão teve como objetivo avaliar as evidências científicas na literatura médica em relação aos benefícios de prevenção cardiovascular obtidos com os diversos tipos de dieta.

Embora várias dietas conhecidas (Dr.Atkins, Zone, Sugar Busters!, e South Beach) tenham mostrado sua efetividade em relação à perda de peso, sem causar efeitos nocivos para a saúde de seus seguidores, estas apresentam poucos benefícios comprovados de prevenção cardiovascular.

Em contraste, a dieta mediterrânea apresenta evidências consistentes em relação aos seus benefícios na prevenção de morte cardíaca e de outros eventos cardiovasculares como o infarto do miocárdio.

A dieta Mediterrânea

A dieta Mediterrânea é seguramente benéfica na prevenção e combate ao processo de aterosclerose. Essa dieta baseia-se num conjunto de tradições alimentares de países do mediterrâneo, como a Grécia, Itália, Espanha e Portugal.

A dieta Mediterrânea inclui:

-Azeitonas e azeite de oliva;

-Grãos inteiros (especialmente em pães e cereais, ao invés de grãos refinados dos pães brancos, massas e bolos);

-Poucos doces;

-Pouca carne vermelha, ingestão abundante de peixes, alguns frutos do mar e frango;

-Queijos brancos, mas pouco leite;

-Ingestão diária de frutas, legumes e verduras;

-Oleaginosas e frutos secos como damascos e tâmaras;

-Ingestão moderada de vinho tinto, ou seja, duas taças para os homens e uma taça para as mulheres. Devemos salientar que a ingestão de bebidas alcoólicas não deve ser estimulada com uma medida de prevenção ou tratamento de doenças cardiovasculares.

As pessoas que vivem nesta área do mediterrâneo tendem a comer alimentos ricos em gordura, mas também têm uma incidência menor em doenças cardiovasculares, em comparação a outras partes do mundo.

Fonte: American Family Physician.

Autor: Dr. Tufi Dippe Jr – Cardiologista de Curitiba – CRM/PR 13700.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here