Exercícios físicos e osteoporose

0
265

Os exercícios físicos são de fundamental importância para a prevenção e tratamento da perda óssea. As primeiras observações do papel benéfico da atividade física sobre a massa óssea surgiram a partir dos relatos de maior densidade óssea em atletas do que em sedentários.

Exercícios físicos regulares com impacto, incluindo musculação, e com adequada intensidade e duração são os mais recomendados para os indivíduos de risco para osteoporose. O ideal é realizar cerca de 150 minutos de exercícios físicos por semana (4 sessões de 35 a 40 minutos por dia). Exercícios sem impacto, como os realizados na água ou em bicicleta, são de menor valor para estimular a formação óssea.

Em geral, os exercícios influenciam positivamente o equilíbrio, mobilidade, coordenação, resistência muscular, reduzindo assim o número e a gravidade das quedas e da incapacidade física.

A prevenção das quedas também deve ser implementada para otimizar a redução dos riscos de fraturas.Medidas simples como modificação de fatores de risco ambientais, relacionados com a mobília, tipo de piso, iluminação adequada e retirada de tapetes são de fundamental importância.

A melhora do equilíbrio, acuidade visual e auditiva e força muscular são fundamentais para a prevenção de quedas. A reabilitação vestibular (labirinto) pode ser útil em pacientes com vertigens e quedas frequentes.

Fonte: Revista Brasileira de Medicina.

Autor: Dr. Tufi Dippe Jr – Cardiologista de Curitiba – CRM/PR 13700.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here