Caminhadas regulares e curtas diminuem a mortalidade em idosos, diz estudo

0
430
Senior couple walking in park. Idosos caminhando no parque. iStockPhotos

Com o objetivo de melhorar a saúde da população em geral, as diretrizes médicas recomendam que os indivíduos pratiquem semanalmente 150 minutos de atividades físicas moderadas ou 75 minutos de atividades físicas vigorosas.

Um recente estudo demonstrou que, em idosos, a realização de caminhadas regulares e curtas associavam-se a uma menor risco de morte, quando esses indivíduos eram comparados a outros idosos sedentários.

Um grande estudo norte-americano, chamado Cancer Prevention Study II Nutrition Cohort, incluiu 62.178 homens (idade média 70,7 anos) e 77.077 mulheres (idade média 68,9 anos). Um total de 24.688 homens e 18.933 mulheres morreram durante 13 anos de seguimento (1999-2012).

Os idosos sedentários, quando comparados com aqueles que praticavam caminhadas regulares e de curta duração, apresentavam a uma maior taxa de mortalidade, principalmente por doenças respiratórias, seguida de doenças cardiovasculares e câncer.

Caminhar é simples, gratuito, e não requer treinamento, portanto, é uma atividade física ideal para a maioria das pessoas, especialmente à medida que envelhecem.

Fonte: American Journal of Preventive Medicine.

Autor: Dr. Tufi Dippe Jr – Cardiologista de Curitiba – CRM/PR 13700.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here