A hipertensão arterial causa ou melhora a dor de cabeça?

0
92

A  hipertensão arterial, conhecida como "pressão alta", é  uma  doença  de   origem multifatorial (que apresenta várias causas ), geralmente assintomática,  que é caracterizada pela elevação dos níveis da pressão arterial. Sua presença  aumenta o risco do desenvolvimento de complicações cardiovasculares, como o acidente vascular cerebral (derrame cerebral), infarto do miocárdio, insuficiência cardíaca,  doenças da aorta (aneurismas e outras) , retinopatia (comprometimento da retina dos olhos) e a insuficiência renal.

A hipertensão arterial  é o mais importante fator de risco cardiovascular, contribuindo diretamente para o desenvolvimento da aterosclerose (aparecimento  de  placas  de  gordura  na parede das  diversas  artérias do organismo). É uma doença que não costuma causar sintomas, por isso, é conhecida como a "matadora silenciosa". Sintomas como dor de cabeça, mal estar, tonturas e sangramento nasal, não apresentam uma boa correlação com níveis elevados da pressão arterial.

Não é incomum que o diagnóstico de hipertensão arterial seja realizado apenas na vigência das complicações cardiovasculares mencionadas acima. Exames que correlacionam os níveis de pressão arterial do paciente  com os seus sintomas, como a monitorização ambulatorial da pressão arterial (MAPA), demonstram que não há uma relação significativa entre o sintoma de dor de cabeça (cefaléia) e os níveis descontrolados da pressão arterial. Por outro lado , estudos populacionais  têm demonstrado que há uma prevalência menor de crises de enxaqueca entre hipertensos, quando comparados aos normotensos.

www.portaldocoracao.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here