Adolescentes: sedentarismo e alimentação inadequada são os principais fatores de risco cardiovascular, diz estudo

0
415

A prevenção das doenças cardiovasculares deve iniciar em idade precoce da vida. A detecção dos fatores de risco cardiovascular na infância e na adolescência é fundamental para a adoção de estratégias preventivas, as quais surtirão efeitos na vida adulta.

O objetivo de um estudo foi determinar a prevalência dos fatores de risco cardiovasculares (biológicos e comportamentais) em adolescentes e verificar sua associação com idade e sexo. Participaram do estudo 644 escolares da rede pública de ensino da cidade de Londrina (Paraná, Brasil).

A seleção da amostra foi realizada em dois estágios. Fatores de risco comportamentais (inatividade física, consumo inadequado de frutas e verduras e tabagismo) e biológicos (excesso de peso corporal e pressão arterial elevada) foram investigados.

Quase 90% dos adolescentes apresentaram pelo menos um fator de risco. O consumo inadequado de frutas (56,7%) e verduras (43,9%) e, a inatividade física (39,2%), foram os fatores de risco mais prevalentes. A prevalência de pressão arterial alta e excesso de peso foram de 18,6 e 12,7%, respectivamente.

Os fatores de risco cardiovascular foram mais prevalentes entre os rapazes. Concluiu-se que os fatores de risco cardiovascular representam um problema de saúde com alta prevalência entre os adolescentes.

Fonte: Cadernos de Saúde Pública.

Autor: Dr. Tufi Dippe Jr – Cardiologista de Curitiba – CRM/PR 13700.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here